Como atrair clientes

Não sou um grande fã de animais domésticos. Mas, como sou um sujeito democrático, aceitei a ideia que meu filho teve em ter aqui em casa dois coelhos.

É lógico que me arrependi logo depois de ter dito sim, mas já era tarde. E não havia nenhuma cartola mágica por perto por onde eu pudesse enfiar os bichos de volta.

Com o tempo, venho me acostumando com eles. São dóceis. Não emitem som algum. Parecem até mudos. E o fato de serem dotados com uma visão grande angular de quase 360° talvez explique o porquê de ficarem meio confusos em distinguir objetos muito próximos a eles.

Se você quiser que eles percorram por um determinado caminho, é preciso fazer uma espécie de baliza e bloquear opções alternativas por onde eles pudessem eventualmente seguir.

De certa forma, seu cliente também é um cara disperso. Todos nós somos. É fácil demais não focarmos em um propósito específico.

Segundo um artigo recente do NYT, a Amazon americana desenvolveu mais de uma centena de marcas próprias. Se você procurar por uma pilha alcalina, por exemplo, ou algum outro item doméstico, o site vai conduzi-lo (ou induzi-lo) ao AmazonBasics, de modo que você siga qual um coelhinho em direção à linha de produtos da empresa.

Nesse universo competitivo cada vez mais acirrado, como se defender contra um concorrente que dispõe de um leque de produtos próprios?

Através do reconhecimento da sua marca como algo superior em termos de qualidade e design.

É mostrar ao seu público o que você quer que ele veja, e atraí-lo para a experiência memorável e única que somente a sua marca pode oferecer.

O design da sua marca acaba sendo o diferencial que elimina a visão angular de 360° de seu cliente cunicular.

.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *